Theme Preview Rss

Poemas para o Concurso de Poesia

O livro

O livro tem páginas

Grossas ou finas

Para ler…

Nelas podemos aprender

Sobre animais e pessoas

Que tu podes conhecer

As pessoas boas.


 

Poema por Luís Moreira

***** // *****


 

Eu vou cantar. Depois , vou brincar,

vou com muita alegria e com fantasia

com a minha prima Fabiana .

Ela é bonitinha .


 

Prima a onde Vais ?

e porquê que a chuva cai,

o professor é fixe

parece o meu pai …

eu canto e brinco.

Com o meu primo


 

E ao cantar com a minha

Priminha vou fazer uma fantasia.

De chegada da minha tia.


 

Poema por Carla Marisa

***** // *****


 

A amizade

Nós hoje estamos a brincar

Com muita amizade

Parece que estamos a Sonhar

Com muita vontade.

O mar

O mar é para nadar

No livro à poesia

Eu hoje vou cantar

Com muita fantasia.

A escola

A escola é amarela

Lá dentro aprendemos a ler

Tem janela

Para ver


 

Poemas por Sandra Isabel Cunha

TEMPO DE AMOR

Encontrei uma criança,

Que na rua andava a brincar,

Dei-lhe um beijo de amor,

E focou a saltar


Tantos sinais de meiguice,

Nos seus olhos a brilhar,

Juntou-se ao rapazio,

Para na bola ir chutar.


Tanta vida, alegria,

Nesse corpo a crescer,

Como beleza se via,

No tempo do seu viver.


Por: Gonçalo

No dia de Stª Catarina…

No dia da santa Catarina vi: um senhor a vender presépios e outras coisas, vi colegas meus na feira.

Vi barracas com roupas, calçado e brinquedos.

Vi um Carrossel, os carinhos de choque, vi farturas com recheio pelo meio, também havia barracas de peixe.

Na feira havia muitas coisas bonitas, também vi muitas pessoas lá…

Por: Ana Pinto

Janeiras

Olha a estrelinha

Que dá luz e salvação

Viva a gente desta casa

Que é de nobre geração

Refrão

A, A, A

Não estejam a demorar

Nós somos de muito longe

Temos muito que andar. (Bis)


As boas festas

Boas festas vamos dar

Que sejam muito felizes

No trabalho e no lar.


Refrão

Muito obrigado

Do fundo do coração

Vamos cantar as Janeiras

P`ra mandar a tradição.


Refrão

Aluna: Ana Pinto

A neve que caíu em Celorico de Basto

Era Domingo quando começou a nevar às 10 Horas. Nós, todos felizes por um lado, por outro triste porque não é neve suficientemente forte como no ano passado.

Quando saímos da missa estava quase branquinho; as crianças gostam muito de neve e podem patinar no gelo e na neve.

Os meus desejos a todos os alunos...

A menina que detestava livros

Ao longo do 1º período, no âmbito do Plano Nacional de Leitura de , estudamos o livro "A menina que detestava livros"Manjusha Pawagi e ilustrado por Leanne Franson. Aqui fica a imagem da capa do livro e uma fotografia do cartaz que elaboramos para recordar os bons momentos que a sua leitura e estudo nos proporcionou. Esperemos que gostem.

Capa do livro

A%20menina%20que%20detestava%20livros.jpg

Cartaz



A nossa escola

A nossa escola parece um coração
De cartão e papelão

Lá aprendemos a escrever
Aprendemos a conhecer

Comemos e bebemos nos recreios
Jogamos à bola e todos juntos somos divertidos

A escola é linda e maravilhosa
Eu gosto dela porque é espantosa

Nós vamos apredendo coisas novas
A escola é mesmo maravilhosa

Poema por Sandra

História sobre o ciclo da água

História sobre o ciclo da água

A família da água estava sempre a viajar.
Um dia a família percebeu que, quando chegava ao mar, evaporava-se, transformavam-se em nuvens, o vento empurrava-as para outro sítio. Caía neve, chuva ou gelo e de seguida a família ia parar novamente ao mar.

História por Luís Mota

Tempo de Amor

>

Encontrei uma criança,

Que na rua andava a brincar,

Dei-lhe um beijo de amor,

E focou a saltar

Tantos sinais de meiguice,

Nos seus olhos a brilhar,

Juntou-se ao rapazio,

Para na bola ir chutar.

Tanta vida, alegria,

Nesse corpo a crescer,

Como beleza se via,

No tempo do seu viver.


Post por Gonçalo